• Japão
  • Palácio Imperial e Akihabara – 15º diário de viagem

    Palacio Imperial e Akihabara

    Viajar também é ir de encontro ao inesperado. Por mais que a gente planeje, às vezes, aparece aquela insegurança inicial que depois se transforma em prazer.

    Acho importante fazer o planejamento, mas mais importante ainda é não ser neurótica (o) com as coisas que não dão certo. No 15º diário de viagem pelo Japão, queríamos aproveitar o dia, mas sem muito planejamento, explorar sem muito compromisso, então resolvemos visitar a região do Palácio imperial e Akihabara.

    Já estava com uma dorzinha no coração de pensar em ir embora, mas fazer algumas comprinhas, passear com as amigas, são coisas que sempre nos animam não é?! No meu caso, não sobrou muita grana, então tive que me segurar nas compras.

    Sobre o hotel, ficamos hospedadas na cidade de Narita, perto do aeroporto internacional e um pouco longe de Tóquio, no Tobu Narita Hotel, que é superconfortável, limpo e bonito, tem ônibus gratuito para o aeroporto e para a estação de Narita.

  • Viagens
  • 10 destinos diferentes que cabem no seu bolso para viajar em 2017

    veneza-italia

    O site Lonely Planet divulga todos os anos uma lista dos melhores destinos para visitar. A pesquisa é dividida em: top 10 países, top 10 cidades, as 10 melhores regiões para visitar e 10 destinos diferentes que cabem no seu bolso, esse último nós listamos aqui com algumas dicas.

    Reveja o orçamento, comece o planejamento e comece a sonhar com a próxima viagem!

  • Japão
  • De volta à Tóquio – 14º Diário de viagem pelo Japão

    de volta a toquio

    Depois de uma semana visitando outras cidades do Japão, é hora de partir de volta à Tóquio. No 14º diário de viagem temos várias horas de viagem pela frente de shinkansen (trem bala), um evento de anime, momento “perdidas na estação” de novo e novo hotel em Narita.

    Arrumamos nossas coisas, demos um tapa no apê (não incluía serviço de quarto) e pouco antes das 10 horas da manhã fizemos o check-out.

    Não tinha serviço de táxi no hotel, mas conseguimos um rapidinho na rua, pagamos um pouco mais de 1200 yen no taxi até Shin-Osaka station.

    De Osaka para a estação de Tóquio de shinkansen dura em torno de 3 horas, parando em algumas estações.

    Vamos ficar hospedadas, não em Tóquio, mas na cidade de Narita, perto do aeroporto, não longe da capital.

    Finalmente lembrei de tirar foto de dentro do shinkansen e dele chegando na plataforma!

    Bom, como no início da viagem ficamos hospedadas em Shinjuku, não passamos nem conhecemos a estação de Tóquio, que aliás é tão grande e cheia quanto a de Shinjuku.

  • Viagens
  • Já ouviu falar do Google Trips?

    google trips

    Para a alegria dos viajantes e amantes de tecnologia, o Google lançou esta semana o Google trips, um novo aplicativo planejador e guia de viagem, que promete juntar todas as informações da viagem no seu bolso.

    O aplicativo é gratuito e está disponível para IOS e Android, vai organizar as passagens de avião e reservas de hotel, oferece guias de mais de 200 cidades, com coisas para fazer, lugares para comer e beber, com recomendações personalizadas.

    E o melhor de tudo? O app funciona off-line, é possível baixar tudo para o seu aparelho antes de sair para a viagem, incluindo mapas. Nem precisa ficar desesperado buscando um wi-fi pelo caminho. Estamos loucos para usar numa viagem, sim ou com certeza?

  • Japão
  • Hiroshima e Miyajima – 13º diário de viagem pelo Japão

    hiroshima e miyajima

    Depois de um passeio bem cedo pelo Castelo de Osaka, nosso destino agora é Hiroshima e Miyajima, o roteiro do dia é longo e tem muito lugar para conhecer. É possível conhecer os dois destinos em 1 dia, chegando bem cedo na região. Vem comigo!

    Por motivos lamentáveis Hiroshima dispensa apresentações, acho que todo mundo a partir de certa idade já ouviu falar da cidade.

    Milhões de pessoas visitam Hiroshima, a cidade que foi atingida pela bomba atômica em 1945, em que tantas pessoas foram eliminadas em instantes.

    Como atração turística pode até ser um clichê, no entanto pode causar muitos sentimentos inesperados, não só de tristeza ou indiferença, mas a reconstrução da cidade deixa um lado positivo na visita, fazendo valer muito a pena visitar esta cidade.

    Há alguns dias atrás estava difícil decidir nosso roteiro para essa região do Japão, são tantas coisas legais, lugares incríveis, fotos lindas e foi unânime para nós três que tínhamos que ir visitar Hiroshima e Nagasaki. Infelizmente, não deu tempo de ir à Nagasaki, é bem longe, mas Hiroshima e Miyajima já valem a pena.

  • Japão
  • Castelo de Osaka – 12º diário de viagem

    Castelo de Osaka - 12º diário de viagem

    Mesmo estando hospedadas em Osaka, não conseguimos conhecer muito da cidade, além do centro e das estações de trem e metrô, mas seria muita mancada, não visitar pelo menos o Castelo de Osaka, que ficava bem perto do nosso hotel.

    O roteiro do dia estava bem apertado, acabamos dividindo o dia em duas partes, então este primeiro diário de viagem é sobre o Castelo de Osaka e o segundo é sobre Hiroshima e Miyajima. Nosso penúltimo dia em Osaka e visitando outras cidades, já começa a dar uma dor no coração, logo estaremos partindo… a essa altura da viagem, já estávamos querendo morar no Japão para sempre.

    Outra coisa linda de se ver no Japão, são os castelos medievais, pelo menos um castelo você deve visitar. A arquitetura, a história e o charme medieval são únicos, além de todo o cuidado em volta deles, eu me apaixonei pelos castelos que visitei.

    Existem vários castelos espalhados por todo Japão, começaram a ser construídos no século 14, mas entorno de 12 castelos tem suas estruturas originais, muitos foram destruídos e reconstruídos com o passar dos séculos, por causa de incêndios e guerras.

  • Japão
  • Atami e Yokohama – 11º diário de viagem

    Atami e Yokohama - 11o diario de viagem

    No nosso 11º diário de viagem, vamos conhecer as cidades de Atami, uma cidade litorânea na região de Shizuoka e Yokohama, uma das maiores cidades do Japão.

    Atami

    A cidade de Atami, fica na península de Izu, região de Shizuoka a 50 minutos de shinkasen de Tokyo. Não é uma cidade grande, é bem tranquila na verdade, conhecida por resorts de onsens. Lá também fica uma das unidades do Solo Sagrado da Igreja Messiânica, religião da Nádia e também o Museu de Arte (MOA Bijutsukan).

    De Shin-Osaka à Atami levamos 2h20 de shinkansen, tomamos cuidado de ver quantas paradas tinha no caminho e não teve jeito, tínhamos que pegar o shinkansen com várias paradas, pois Atami é longe de Osaka, está bem mais perto de Yokohama e Tokyo. Fizemos a pesquisa dos trens, através do site Jorudan e com as informações que a Nádia trouxe. No meu guia do Japão não tinha nada sobre a cidade mesmo, a cidade de Hakone é mais famosa na região.

  • Cotidiano
  • 5 lugares que quero muito conhecer

    5 lugares que quero muito conhecer-san francisco

    Todo mundo que me conhece sabe que eu adoro viajar e que poderia viver viajando o tempo todo se pudesse, mas como o mar não está para peixe, por enquanto vou fazendo uma viagem aqui e outra ali, aos poucos matando essa vontade deliciosa de desbravar o mundo. Sou do tipo que topa qualquer viagem, principalmente se for com meus amigos, mas sempre tem aqueles lugares que são cativos no coração e que vem a cabeça em 1 segundo. Não que isso não mude com alguma frequência, mas estes lugares estão sempre entre os 10 mais

  • Cotidiano
  • Links do mundo #01 – Viagens, organização, videos e nerdices

    Links-Viagens, organização, videos e nerdices

    Tenho muitas coisas que quero compartilhar aqui no blog e nem tudo tem haver com viagem. Não sabia muito bem como fazer e vejo bastante em outros blogs o pessoal compartilhando links bacanas e variados, então resolvi testar e fazer um post semanal com diversos assuntos. Durante a semana fui salvando links que achei legais, interessantes ou úteis e relembrando coisas que gostaria de colocar nesse primeiro post. Estou me organizando ainda, mas espero que gostem!